Um Blogue sobre livros, poesia, filmes, tecnologias informáticas e cultura.

A Blog about books, poetry, films, computer technology and culture.

Translate

Pesquisar / Search

Seguir por E-mail / Follow by Email

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Poesia da Semana / Poetry of the Week:


Como já não falta muito tempo para o São Valentim aqui fica um poema de amor da autoria de Flor Bela Espanca.

O Teu Olhar

Passam no teu olhar nobres cortejos,
Frotas, pendões ao vento sobranceiros,
Lindos versos de antigos romanceiros,
Céus do Oriente, em brasa, como beijos,

Mares onde não cabem teus desejos;
Passam no teu olhar mundos inteiros,
Todo um povo de heróis e marinheiros,
Lanças nuas em rútilos lampejos;

Passam lendas e sonhos e milagres!
Passa a Índia, a visão do Infante em Sagres,
Em centelhas de crença e de certeza!

E ao sentir-se tão grande, ao ver-te assim,
Amor, julgo trazer dentro de mim
Um pedaço da terra portuguesa!

Florbela Espanca, in "A Mensageira das Violetas"



As you're getting their time for Valentine's Day here is a love poem written by Bela Flor Espanca .

The Thy Faithfulness

Go look in your noble processions,
Fleets, banners overlooking the wind,
Beautiful verses of old romances,
Eastern skies, burning, such as kissing,

Mares which do not fit your desires;
They spend entire worlds in your eyes,
A whole nation of heroes and sailors,
Glimmers spears naked in rutile;

Pass legends and dreams and miracles!
India becomes the vision of the Infante in Sagres
In sparks of belief and certainty!

And to feel so great to see you so
Love, I think bringing in me
A piece of land Portuguese!

Florbela Espanca, in "The Messenger of Violets"




Até Já / See you soon



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...